Skip to main content

Gestão de Enzimas

Maximizando a eficiência alimentar

Um dos maiores desafios para a indústria de rações e de nutrição animal é o aumento dos custos da ração, que pode representar até 70% das despesas totais de produção. Além disso, cerca de 25% dos nutrientes disponíveis nos ingredientes da ração não são totalmente utilizados pelo animal devido a fatores antinutricionais.

Hoje, o maior desafio para a indústria de rações - e especialmente para os nutricionistas - é reduzir essa fração indigerível e maximizar a eficiência alimentar com base em fatores nutricionais e econômicos, que muitas vezes podem variar, tornando-se exclusivos de cada sistema de produção.

Os custos com ração representam a maior parte dos insumos para os produtores, frequentemente respondendo por até 70% DOS CUSTOS TOTAIS DE PRODUÇÃO.

 

Cerca de 25% DOS NUTRIENTES SÃO PERDIDOS pelos animais devido a fatores antinutricionais na alimentação.


Série sobre Gestão de Enzimas da Alltech


Junte-se a nós na série sobre Gestão de Enzimas para aprender sobre as mais eficientes estratégias para inclusão de tecnologias enzimáticas e como você pode proteger sua produtividade e obter resultados sustentáveis. 

Assista agora


Como podemos fornecer alimentos à crescente população mundial e, ao mesmo tempo, maximizar a eficiência alimentar de maneira sustentável?

Juntos, podemos maximizar a eficiência alimentar. Com respaldo da ciência, o programa de Gestão de Enzimas da Alltech utiliza tecnologias exclusivas, que trabalham em sinergia com o trato digestivo do animal e otimizam o potencial da dieta. Elas reduzem os efeitos antinutricionais nos componentes constituintes da ração e melhoram a disponibilidade dos nutrientes e a digestibilidade da ração. Como resultado, menos nutrientes são desperdiçados e excretados ao meio ambiente, economizando para os produtores e, ao mesmo tempo, proporcionando benefícios sustentáveis para o animal e o planeta.

O que são enzimas?

Enzimas são proteínas que aceleram reações químicas específicas. Elas quebram uma molécula maior em uma ou mais moléculas menores, ou combinam moléculas menores em uma molécula maior. De qualquer forma, as enzimas ajudam a converter um componente menos digerível da ração (por exemplo, fibra) em uma forma de mais fácil utilização pelo organismos dos animais.

 

Modo de ação das enzimas:

As enzimas atraem substratos para o seu sítio ativo.

A enzima e o substrato se unem. A combinação formada pela enzima e seus substratos é chamada de complexo enzima-substrato.

A ligação se quebra durante a digestão, formando um complexo enzima-produto.

Produtos/nutrientes são liberados.

 

Principais categorias de enzimas

A fitase, a carboidrase e a protease são algumas das principais enzimas comumente consideradas na indústria de ração animal. Cada uma dessas três categorias tem um papel importante e funções específicas no animal, que resultam em benefícios para os produtores. No entanto, certas enzimas só podem reagir com certos substratos.

  • Carboidrases melhoram a digestibilidade dos carboidratos na alimentação, aumentando assim a quantidade de nutrientes que um animal pode usar como energia. As carboidrases ajudam a degradar os fatores antinutricionais, como os polissacarídeos não amiláceos (PNAs). Os principais tipos de carboidrases usados na nutrição animal incluem a xilanase, que decompõe os arabinoxilanos; beta-glucanase, que quebra os glucanos; e a celulase, que degrada a celulose.
  • Proteases aumentam a digestibilidade das proteínas e aminoácidos. As enzimas proteases também são capazes de quebrar proteínas que ligam o amido aos ingredientes da ração, resultando em mais energia disponível, encontrada no amido, para o animal.
  • Fitases aumentam a digestibilidade do fitato, o que melhora a disponibilidade geral do fósforo na dieta. A adição de fitase na ração resulta em menor excreção do conteúdo de fósforo nas fezes, contribuindo para um menor impacto ambiental.

 

O que você deve ter em mente ao procurar a enzima certa?

bar chart icon

Nem todas as enzimas são produzidas igualmente

Procure produtos que ofereçam confiabilidade

bullseye icon

As enzimas devem corresponder ao substrato presente na dieta

Tenha como objetivo a dieta completa

Procure por valores reais de nutrientes para a formulação de ração

Aproveite ao máximo a dieta

Como o programa de Gestão de Enzimas pode beneficiar você?

Nossas tecnologias de enzimas para rações têm benefícios que vão muito além da economia de custos. Nossa linha de enzimas para rações ajuda a melhorar a saúde intestinal, o bem-estar animal e o meio ambiente, potencializando em até três vezes seus resultados financeiros.

Lucro

Reduz os custos de alimentação
Você pode economizar até US $ 14 * por tonelada de ração.
* Dependendo da combinação de enzimas da ração, da dieta e das espécies.

Maior aproveitamento da matéria-prima

Reduz a variabilidade

Desempenho

Otimiza a digestibilidade da ração

Promove um sistema digestivo saudável

Reduz a viscosidade intestinal, permitindo aos animais digerir e absorver mais nutrientes

Planeta

Reduz o impacto ambiental

Menor utilização de farelo de soja, óleos e fosfatos

Menor excreção de nitrogênio e fósforo nas fezes


 

Produção de enzima alimentar: um processo único de fermentação em estado sólido (SSF)

Apoiado pela ciência desde 1980

A Alltech é pioneira na produção de enzimas. Nossos anos de pesquisa e colaboração nos possibilitaram fornecer aos produtores as tecnologias de enzima SSF mais exclusivas da indústria de ração animal.

Um processo único de fermentação em estado sólido (SSF)

Como funciona?

1.
Seleção de cepas

SSF é um processo que ocorre naturalmente, pela ação de cepas de fungos específicos que agem quebrando o substrato e liberando enzimas específicas.

2.
Fermentação líquida

Essas cepas dos fungos são cultivadas em meio líquido.

3.
Substrato pronto para fermentação

Este substrato entra na câmara de fermentação de última geração da Alltech, onde é incubado por até cinco dias.

4.
Processo de fermentação em estado sólido

Durante esse tempo, o fungo cresce rapidamente e expele enzimas para quebrar o substrato (meio sólido), que liberam os nutrientes necessários para o crescimento contínuo.

5.
Processo de secagem do substrato

O substrato é então seco e padronizado para atividades enzimáticas, passando pelo controle de qualidade.

O resultado é ALLZYME®

Perguntas frequentes

Quais fatores devem ser levados em consideração ao formular as dietas dos animais com enzimas?

A atividade enzimática não é linear e não se encaixa bem com um programa de formulação linear. Nem todas as enzimas são produzidas de forma igual. Assim, compreender as frações dietéticas indigestas presentes nos ingredientes a e as interações entre as enzimas, substratos e o intestino pode melhorar a digestibilidade de todos os nutrientes.

 

Quais são as enzimas utilizadas na ração animal? 

Fitases, carbohidrases e proteases são algumas das enzimas mais tipicamente utilizadas na indústria de ração animal. Cada uma dessas três categorias de enzimas tem um papel e função específicos na dieta dos animais, o que resulta, consequentemente, em diferentes benefícios para os produtores. No entanto, certas enzimas só funcionam em substratos específicos.

 
Quais tipos de matérias-primas têm melhor desempenho com enzimas de ração? 

As enzimas atuam em diferentes tipos de matérias-primas, incluindo alto teores de fibras, que contém fatores anti-nutricionais comumente encontrados em dietas à base de milho, soja e trigo. 

 
Como funciona a formulação com enzimas?

A formulação com utilização de enzimas na dieta baseia-se no valor nutricional dos alimentos e na manutenção de um desempenho igual ou melhor a um custo alimentar mais baixo. 

 
Qual o papel das enzimas na sustentabilidade? 

Adicionar enzimas à nutrição animal reduz a quantidade de farelo de soja, óleo e fosfatos necessários, aumenta o uso de matérias-primas alternativas e ajuda a elevar o rendimento de produção de terras aráveis limitadas. As enzimas também ajudam a reduzir a excreção de nitrogênio e fósforo ao meio ambiente, ao mesmo tempo em que ajudam os produtores a economizar dinheiro reduzindo o custo de alimentação por tonelada.

Dúvidas ou comentários? Entre em contato conosco!

Produtos do programa de Gestão de Enzimas

ALLZYME® SSF

Allzyme® SSF permite flexibilidade na formulação de alimentos através da inclusão de sub-produtos e matérias-primas alternativas, ou pela redução da densidade dos nutrientes da dieta.

ALLZYME® VEGPRO

Allzyme Vegpro é um complexo enzimático natural à base de protease e celulase, que disponibiliza mais energia e aminoácidos das fontes proteicas de origem vegetal (ex. soja, girassol e canola).

ALLZYME® SSF E+C

Complexo enzimático, aumenta a disponibilidade na ração de: Fósforo e cálcio Proteína e aminoácidos Energia metabolizável
Loading...