Skip to main content

Aquicultor: o que você precisa saber sobre o coronavírus (COVID-19)

Fazenda de criação de peixes

A maioria das pisciculturas são afastadas de grandes centros urbanos, onde casos positivos de COVID-19 são mais alarmantes. Porém, isso não descarta a possibilidade de que a doença chegue até os colaboradores da atividade e contamine os mesmos e as propriedades, por isso é preciso se informar e tomar todas as medidas necessárias para evitar a expansão da doença, e maiores problemas no negócio.

O que é a doença do coronavírus 2019 (COVID-19)?

A COVID-19 é uma doença respiratória que pode se espalhar de pessoa para pessoa. O vírus que causa a COVID-19 é um novo coronavírus identificado pela primeira vez na cidade de Wuhan, na China.

O COVID 19 contamina os animais?

Apesar de estudos sugerirem que este vírus provém de animais, não há evidências de que o novo vírus os contamine, não podendo ser concluído, desta forma, que animais sejam um vetor para humanos.

Obs.: Salvo os casos onde a pele ou pelagem do animal tenha sido recentemente contaminada por espirro, tosse ou outra forma de contato com um humano infectado, sendo assim possível contaminar outro humano que tenha contato com a mesma superfície.

Posso receber visitas na produção?

Sim. Porém toda visita que não for essencial deve ser evitada. Durante visitas indispensáveis, deve-se evitar aperto de mãos e manter uma distância segura entre as pessoas. Sugere-se como mais indicado retomar as visitas após o fim das restrições sugeridas pelas autoridades de saúde.

Como a COVID-19 é espalhada?

É provável que o vírus que causa a COVID-19 tenha surgido em animais, mas agora está se espalhando de pessoa para pessoa. Acredita-se que o vírus se espalhe principalmente entre pessoas que estão em contato próximo, por meio de gotículas respiratórias que são expelidas quando uma pessoa infectada tosse ou espirra. Também é possível que uma pessoa contraia a COVID-19 ao tocar uma superfície ou um objeto que tenha o vírus e, em seguida, toque sua boca, nariz ou possivelmente olhos, embora não se acredite que essa seja a principal maneira pela qual o vírus se espalhe. Saiba mais sobre a propagação do coronavírus 2019 em: https://coronavirus.saude.gov.br/

Quais são os sintomas da COVID-19?

Pacientes com COVID-19 apresentam doença respiratória de leve a grave com os seguintes sintomas:

  • febre
  • tosse
  • falta de ar

O que posso fazer para ajudar a proteger a mim e aos meus colegas de trabalho?

As pessoas podem se proteger de doenças respiratórias tomando as seguintes medidas:

  • Evite contato próximo com pessoas doentes, dentro e fora da piscicultura.
  • Não compartilhar copo, talheres ou outros objetos que tenham contato com mucosas.
  • Evite tocar os olhos, nariz e boca se as mãos não tiverem sido recentemente lavadas.
  • Lave as mãos com frequência com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, use álcool gel 70%.
  • Sugestão para pisciculturas: manter regularmente um balde com água clorada preparado com 20 ml de água sanitária comum (2,5% de hipoclorito) para 10 litros de água. As pessoas podem mergulhar as mãos e punhos nessa água clorada por 10 a 20 segundos, facilitando a higienização das mãos se não houver álcool ou local com água e sabão. Renovar essa água clorada a cada 4 horas.
  • A propriedade deve manter os banheiros abastecidos com água e sabão ou álcool gel 70%.
  • Quando chegar em casa, tome sempre um banho e lave suas roupas de trabalho.
  • Mantenha os banheiros e a área da cozinha em seu local de trabalho limpos e desinfetados.
  • Mantenha os equipamentos de uso contínuo limpos e desinfetados.

Se você estiver doente, para evitar transmitir sua doença respiratória para outros, faça o seguinte:

  • Se apresentar sintomas leves, permaneça em casa e em isolamento;
  • Se apresentar sintomas graves, procure um médico;
  • Cubra o nariz e a boca com antebraço ou um lenço descartável ao tossir ou espirrar e jogue fora;
  • Limpe e desinfete frequentemente os objetos e superfícies que você toca.

Dentro das propriedades aquícolas:

  • Forme planos de emergência para sua piscicultura em caso de doença;
  • Limpar materiais que chegam de fora da propriedade: sacos de ração, caixas com insumos, embalagens de alevinos, alimentos com ou sem embalagens.
  • Ao manipular embalagens e as sacarias de ração, evite colocar as mãos no rosto, boca e nariz. Além disso, higienize as mãos imediatamente após essa manipulação.
  • Não compartilhe galões de água e copos com outras pessoas. O ideal é que cada um tenha o seu próprio galão de água e copo. Se o galão for comunitário, evite beber direto do galão e tenha seu copo para uso inidividual.
  • Ao invés de visitas presenciais com fornecedores de insumos ou técnicos, use a opção de chamadas de vídeo ou conversas por telefone.
  • Se a visita for imprescindível, use as precauções já mencionadas nesse texto.

Existe alguma vacina?

Atualmente, não existe nenhuma vacina que proteja contra a COVID-19. A melhor maneira de prevenir infecções é tomar medidas preventivas diárias, como evitar contato próximo com pessoas doentes e lavar as mãos com frequência.

Existe algum tratamento?

Não existe tratamento antiviral específico para a COVID-19. Pessoas com a COVID-19 podem procurar atendimento médico para ajudar a aliviar os sintomas.

Conte com a Alltech

Não há nada mais importante para nós do que a segurança e o bem-estar de nossos colegas, clientes e comunidades. Como empresa familiar, entendemos que a interconexão de nossas vidas significa que as ações que realizamos em nossos negócios têm um impacto em inúmeras outras, incluindo as de familiares e amigos.

Compartilhamos  de suas preocupações sobre a disseminação da COVID-19 em todo o mundo. Estamos comprometidos em fazer nossa parte para reduzir o impacto da COVID-19 o mais rápido possível, enquanto mantemos nosso fornecimento e serviços para você.


Dúvidas ou comentários? Entre em contato conosco: